Fidelização da marca e criação de vínculos emocionais com o seu cliente

Fidelizar ou não uma base de clientes pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso de um negócio. É preciso garantir que as possibilidades de bons negócios estejam sempre por perto e que elas sejam aproveitadas pela sua equipe.

Vender não é só captar clientes novos e se relacionar não é só responder e-mails de reclamações. O cliente quer estar próximo de quem conta com sua identificação. Como você se relaciona com seu cliente? O que ele pensa e fala a respeito da sua empresa? Vamos falar sobre vínculos emocionais, as bases seguras de um relacionamento fértil e duradouro.

 

Traga-os para perto!

Com o advento da informação rápida e o papel das redes sociais como meio de trocas entre pessoas e negócios, o cliente passou a ter um tipo novo de poder. Ele não aceita mais fazer negócios ou defender marcas com as quais não se identifica. Ele pode tanto, simplesmente, abandonar uma empresa depois de uma experiência negativa, quanto ser o responsável direto por mudanças nas políticas de atendimento de outra em que sua voz foi ouvida. Com tudo acontecendo ao mesmo tempo – trabalho, lazer, consumo e influência – as pessoas não acham mais razoável compartilhar negócios com empresas que não as representem. Consumir é escolher e escolher é agir pelos códigos de um determinado estilo de vida.

Sua empresa precisa ter essa persona em mente. Sua existência precisa estar de acordo com o que você oferece e – olha só! – acredita. Lembre-se de que um estabelecimento é, antes de mais nada, uma ideia. Ideia que precisa ser compartilhada entre pessoas que acreditem e se apeguem, ao menos em algum nível, a ela. É por esse fenômeno, essa relevância institucional – para não dizer existencial! – que faz sentido um novo estabelecimento, um novo lugar, uma nova filosofia. Parece exagero? É só perceber como a busca por unidade e coerência estão presentes na vida das pessoas. Quanto elas estão cada vez mais inseridas em suas “bolhas digitais”, com suas consequências positivas e negativas.

Trocando intimidades

A melhor forma de construir vínculos emocionais com seus clientes é, sem dúvida, participar da intimidade da vida deles. O primeiro passo estará sempre mais relacionado com quais aspectos da sua intimidade você se permite expor. Por exemplo, que mensagens sua equipe passa com a linha de atendimento escolhida e a performance praticada? Sua decoração é coerente com a filosofia de sua empresa? Sua estratégia de marketing está devidamente alinhada ao tipo de cliente que é real para sua expectativa de vendas? Esses são bons passos na construção de um vínculo profundo e genuíno.

O vínculo emocional é um privilégio, um lugar secreto, quase mágico, cujo acesso deve ser conquistado com muito respeito e cuidado e é dividido entre grandes valores individuais, coletivos e marcas que já garantiram seu terreno na mente de nossos clientes.

 

A Rede Rica garante um desempenho fora da curva nessa briga pelo imaginário através de estratégias profissionais de conceitualização de sua marca! Fale com nossos mentalistas!

 

Olá, será um imenso prazer atendê-lo(a)! :)

Converse conosco pelo WhatsApp 24hrs